Pravda.ru

Desporto

A imprensa australiana tenta convencer de que a Austrália vai ganhar do Brasil

16.06.2006
 
A imprensa australiana tenta convencer de que a Austrália vai ganhar do Brasil

A primeira vitória em Copa do Mundo deixa qualquer um eufórico. Os australianos, depois de 32 anos afastados dos Mundiais, venceram o Japão. A vitória sobre os japoneses foi o primeiro resultado positivo da Austrália em Copas: na sua outra participação, em 1974 - na mesma Alemanha -, a seleção perdeu dois jogos e empatou outro. Neste ano a Austrália passou a acreditar que será possível repetir a façanha contra o Brasil.

Para reforçar a crença dos torcedores nestes dias que antecedem a partida de domingo em Munique a imprensa australiana dedica-se à caça de motivos.

O jornal Herald Sun destaca as análises sobre o time da Austrália feita por dois treinadores que estão disputando mundial. O sueco Eriksson, que dirige a Inglaterra, deixou os australianos animados. Eriksson afirmou aos jornalistas que apesar de não ter visto o jogo em que os australianos derrotaram os japoneses (3-1) recebeu informações muito favoráveis em relação à equipa dirigida pelo experiente holandês Guus Hiddink.

- Se eles podem bater o Brasil? Claro que sim, por que não? Estão de parabéns pela partida contra o Japão e têm de acreditar na vitória - diz Eriksson.

Já o holandês Leo Beenhakker, técnico de Trinidad e Tobago, foi além.

- Adorei o jeito como a Austrália jogou. Dava para ver nos rostos dos atletas a vontade de vencer. É assim que tem de ser, e a Austrália pode ir longe - completa Beenhakker.

O jornal australiano destaca a declaração de Parreira de que a "Austrália possui vários jogadores técnicos e com experiência na Europa". E conclui que vencer o Brasil não é mais um sonho impossível.


Loading. Please wait...

Fotos popular