Pravda.ru

Desporto

Horacio Elizondo entrou no governo para combater a violência

11.05.2007
 
Horacio Elizondo entrou no governo para combater a violência

O ex-árbitro argentino Horacio Elizondo, famoso em mundo por ter expulsado o ídolo francês Zinedine Zidane na final da Copa do Mundo da Alemanha, em 2006 foi apresentado ontem(10) como novo coordenador da área esportiva do atual governo, do presidente Nestor Kirchner, informa o jornal argentino La Nacion.

A cerimônia ocorreu na Casa Rosada nesta quinta-feira. O ex-árbitro de 43 anos será o coordenador de Programas Esportivos, que faz parte da subsecretaria de Estado, criada para combater a violência no futebol argentino.

"Em curto prazo não se soluciona [a violência]. É um trabalho a médio e longo prazo, com educação. As novas gerações têm que fazer parte deste grande câmbio cultural que grande parte da sociedade deseja", afirmou Elizondo.

Ex-árbitro do quadro da Fifa, o argentino foi escalado para apitar a final da Copa do Mundo, em julho do ano passado. Diante do estádio Olímpico de Berlim lotado, Elizondo expulsou o capitão da seleção francesa Zidane, após cabeçada no zagueiro italiano Marco Materazzi.

Com o empate em 1 a 1 no tempo regulamentar, as equipes decidiram a final nos pênaltis, quando a Itália sagrou-se tetracampeão mundial ao vencer por 5 a 3.


Loading. Please wait...

Fotos popular