Pravda.ru

Desporto

Áustria 0 Croácia 1

08.06.2008
 
Áustria 0 Croácia 1

Infernal quarto-de-hora da Croácia

O jogo não poderia ter começado de forma pior para a equipa da casa. O defesa austríaco René Aufhauser derrubou Ivica Olic na área e Luka Modric marcou o penalti. 0-1. Com a Croácia a dominar o jogo por completo, o marcador quase duplicou aos 13’, quando Olic enviou um remate de cabeça ligeiramente por cima da barra na sequência de um ponta-pé livre da direita. Dois minutos mais tarde, o defesa da equipa anfitriã Joaquim Standfest bloqueou o mesmo avançado croata num lance de grande perigo.

Áustria tenta reagir

Aos 17’, a Áustria reagiu, com o número 15 Sebastian Prodl a enviar um remate muito forte, mas saiu ao lado. Aos 23’, Aufhauser atirou de fora da área mas o guarda-redes croata Stipe Pletikosa colheu a bola com facilidade. Prodl quase marcou o golo da igualdade aos 27’, conectando com um livre da esquerda mas cabeceando ao lado.

Aos 33’, Darijo Srna (Croácia) cruzou da direita, encontrando Mladen Petric que falhou o objectivo de uma posição perigosa. Deveria ter feito mais. Com a Croácia a recuar, Áustria começou a assumir mais o papel atacante e começou a subir. Aos 39’, o médio austríaco Martin Harnik cruzou para o avançado Roland Linz mas Robert Kovac interceptou a bola, evitando uma grande oportunidade para a equipa anfitriã igualar o jogo. Dois minutos mais tarde, Standfest falhou a baliza por centímetros.

Ao intervalo, 0-1

Áustria cresceu na segunda parte

Na segunda parte, as duas equipas tentaram registar algo no marcador. A Croácia criou um momento de perigo no minuto 59 quando Luka Modric tentou encontrar Olic, mas lá estava Martin Stranzl na defesa austríaca a desfazer o lance. Aos 70’, Andreas Ivanschilz (Áustria) atirou de longe com o pé esquerdo, ao lado.

Aos 77’, o austríaco Ivica Vastic rematou forte mas Pletikosa estava atento na baliza croata. Na recarga, Herkik enviou a bola centímetros por cima da barra. Aos 81’, Pletikosa voltou a negar a equipa anfitriã, desta vez Ivanschilz. Aos 85’, lá estava o guardião croata a negar Umit Korkmaz, com os punhos.

No entanto, aos 89’, Croácia quase marcou, com uma jogada entre Corluka e Budan resultando na bola bater em Strandl e quase trair Jurgen Macho na baliza da Áustria. O jogo manteve o interesse até ao último minuto, aos 90’, quando Roman Kienast quase marcou de cabeça.

Olga KUZNETSOVA

PRAVDA.Ru


Loading. Please wait...

Fotos popular