Pravda.ru

Desporto

Egito e Camarões disputarão a Copa da África

08.02.2008
 
Egito e Camarões disputarão a Copa da África

Egito e Camarões disputarão a Copa da África no próximo domingo. Ontem A seleção do Egito goleou a Costa do Marfim por 4 a 1 e Camarões derrotou a anfitriã Gana por 1a 1 num duelo apertado. O Egito é o atual campeão africano. Ano passado derrotou a mesma Costa do Marfim, nos pênaltis, após empate por 0x0, no tempo normal. No jogo Camarões Gana o gol da vitória foi marcado por N'Kong.

Os primeiros 45 minutos foram de muito nervosismo nos dois times, que pouco produziram. A torcida, que pela primeira vez na competição em Gana encheu o estádio, quase comemorou aos 27 minutos, quando Dede Ayew deu belo drible em adversário, mas chutou fraco. Mas a galera se assustou dez minutos depois, com uma bomba de Geremi no travessão, em cobrança de falta.

Na segunda etapa, o time da casa continuou com dificuldade para entrar na área adversária com a bola no chão, então continuou recorrendo a chutes de longa distância e cruzamentos. E foi surpreendido por um contra-ataque aos 25 minutos, concluído por N'Kong, no momento em que tinha maior posse de bola.

Com a vantagem no placar, Camarões se fechou na defesa e deixou Eto'o isolado no ataque. A retranca passou por alguns sustos, como numa cabeçada de Agogo, mas segurou o resultado, que impede Gana de acabar com um jejum de 26 anos sem título africano, segundo Globoesporte.


De acordo com o jornal Fanáticos por Futebol, no segundo jogo de semifinais Costa do Marfim largou no primeiro tempo pressionando o Egito. A principal jogada era com Drogba, recebendo pelo alto, ou trabalhando a jogada um pouco mais atrás. Só que o Egito foi quem abriu o placar. Aos 12min, Ahmed Fathi recebeu rebote do escanteio e chutou forte, da direita.

Antes do fim da primeira etapa, Drogba disperdiçou duas chances claras. Na primeira, aos 29, ele recebeu cruzamento, matou no peito, entre dois defensores adversários, e chutou, à queima-roupa. Primeira grande defesa de Al Hadari, goleiro egípcio. Nos acréscimos, cobrança de escanteio, Drogba sobe bem, na marca do pênalti, e cabeceia para o gol. Bem posicionado, Al Hadari impede o gol novamente.

O segundo tempo começou parecido com o final do primeiro. Outro oportunidade para Drogba. E outra defesa de Al Hadari. Em outra bola cruzada na área, Drogba testou para o chão e obrigou Hadari a esticar-se todo. O goleirão espalmou e salvou o Egito. E quem não faz, toma. Apesar do domínio e pressão marfinenses, foi o Egito quem marcou, de novo.

Zaki, aos 17min, aproveitou bem a cobrança de escanteio e cabeceou na gaveta, sem chances para Loboue, que só viu ela passar. Entretanto, não houve muito tempo para comemorar. Finalmente, Keita marcou para a Costa do Marfim, num belíssimo chute de fora-da-área. Faltavam 27min por jogar e a Costa do Marfim ficou esperançosa.

Só que o Egito conseguiu matar o jogo e classificar-se para a disputa da Copa Africana. Aos 22min, Zaki, herói do jogo, marcou mais um. Em excelente jogada individual, o atacante arrancou da intermediária, chegou com velocidade à entrada da área e bateu forte, no canto direito de Leboue. No finalzinho, Aboutrika fez o 4x1 e sacramentou a boa vitória egípcia, que agora recebe Camarões, em jogo que aconteceu apenas uma vez.

 Camarões e Egito decidiram a edição de 1986, com vitória do Egito, nos pênaltis, por 5x4.


Loading. Please wait...

Fotos popular