Pravda.ru

Desporto

Atacante brasileiro Luís Fabiano pede perdão por briga com lateral uruguaio Diogo

08.01.2007
 
Atacante brasileiro Luís Fabiano pede perdão por briga com lateral uruguaio Diogo

O atacante brasileiro Luís Fabiano, do Sevilla, da Espanha, disse hoje estar envergonhado por trocar agressões com o lateral uruguaio Carlos Diogo, na derrota de seu time por 2 a 1 para o Zaragoza no Campeonato Espanhol, no sábado. A briga culminou em sua expulsão na partida.

O jogador disse que vive um bom momento e admitiu que pode ser prejudicado pelo incidente. "Gostaria de pedir desculpas a todo o Sevilla, elenco, diretoria e todos os que estavam presentes", afirmou o jogador.

"Acredito que eu tenho muito mais a perder do que ele [Diogo]. Me arrependo muito [da briga] e espero ficar de fora do time o mínimo de jogos possíveis", continuou o brasileiro, que deve receber uma grave punição da federação local.

O jogador do Sevilla afirmou que Diogo lhe disse "coisas que não poderiam ser reproduzidas". Segundo o atacante, o uruguaio iniciou a briga por ter dado um pisão sem bola. Luís Fabiano afirmou ter sido repreendido até por sua filha de três anos.

"Minha filha de três anos disse que me viu brigando. Isso foi o que mais me doeu. Me senti envergonhado ao ver o que fiz, e por isso me arrependo muito", finalizou.

Após 17 rodadas no Campeonato Espanhol, Luís Fabiano soma sete gols marcados, a metade de seu companheiro de ataque, Kanouté, atual artilheiro da competição.

Mesmo derrotado na última rodada, o Sevilla permanece na liderança do Espanhol, com 37 pontos, dois a mais em relação ao atual bicampeão Barcelona, que tem um jogo a menos disputado.


Loading. Please wait...

Fotos popular