Pravda.ru

Desporto

Brasil está pronto para os Jogos Olímpicos

05.08.2016
 
Brasil está pronto para os Jogos Olímpicos. 24845.jpeg

Lisboa, 4 de agosto - O Norte do Brasil prepara-se para o início da celebração olímpica. Em Manaus, capital do estado de Amazonas, estão previstas diversas atrações culturais no Complexo de Ponta Negra, onde mais de 90 artistas marcarão presença, no Live Site (ponto de encontro dos adeptos). O público poderá disfrutar dos mais variados géneros musicais típicos do estado do Amazonas, desde o forró ao beiradão, e sem esquecer o tradicional boi-bumba. Os jogos que terão lugar na Arena da Amazónia, em Manaus, arrancam hoje, com o encontro entre a seleção masculina de futebol da Suécia e a da Colômbia. Ao todo, a Arena vai ser palco de seis jogos da etapa de qualificação de futebol, das seleções masculina e feminina, hoje e nos dias 7 e 9 de agosto.

A Tocha Olímpica passou pelo Norte brasileiro no mês de junho, destacando-se o facto do desta ser uma das regiões mais preservadas do país, e por ter o privilégio de albergar a Floresta Amazónica, considerada a maior floresta tropical do mundo e a que apresenta a mais ampla biodiversidade de fauna e flora. As extensas áreas de floresta cerrada e rios impediram que o percurso fosse totalmente feito por terra, sendo que parte da viagem foi feita por avião.

A região do Norte abrange sete estados: Acre (Rio Branco), Amapá (Macapá), Amazonas (Manaus), Pará (Belém), Rondônia (Porto Velho), Roraima (Boa Vista) e Tocantins (Palmas). Nesta região, o turista poderá encontrar alguns dos estabelecimentos turísticos mais sofisticados do país no que que toca ao turismo de aventura e ao ecoturismo. A tocha passou por todas as capitais dos estados, para além da cidade de Santarém, no estado de Pará. Nestes locais, são diversos os pontos de interesse para os visitantes, incluindo as cascatas e rios do Amazonas, Negro e Solimões, praias fluviais e o contacto com animais selvagens e comunidades protegidas de nativos.

Gilson Lira, diretor de Inteligência Competitiva e Promoção Turística da Embratur - Instituto Brasileiro do Turismo, comentou que "com um grande impacto no turismo nacional e internacional, o percurso da Tocha Olímpica e a celebração dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos são grandes oportunidades para estimular o fluxo turístico e impulsionar a economia nacional. Acreditamos ainda que esta regionalização aproxima toda a população brasileira, demonstrando a importância de acolher um evento desta magnitude".

Tocantins

Palmas, a capital de Tocantins, é o quarto destino turístico mais competitivo em termos ambientais do Brasil, sendo ultrapassado apenas por Curitiba, Rio de janeiro e Petrópolis. Já a região conhecida como o "deserto de Jalapão" é pouco habitada e apresenta uma vegetação semelhante à das savanas africanas, tendo-se por isso tornado num dos melhores itinerários turísticos a nível mundial para o turismo de aventura. Por outro lado, a região posiciona-se como um dos destinos ideais para nadar, fazer canoagem e passear de barco nas praias fluviais.

Pará

Belém, a capital do estado, é um dos destinos de referência para os que mais gostam da natureza. As excursões pelo bosque Rodrigues Alves são uma das opções favoritas pelos turistas, que, graças ao recente mapa bilingue da história e roteiros deste lugar, podem agora conhecê-lo a fundo. Aqui, o visitante poderá encontrar espécies como o dugongo amazónico, o maior mamífero de agua doce do continente. Para refrescar, a especialidade da região é o gelado de frutas típicas, como cupuaçú, taperebá e bacuri.

Santarém (Pará)

A cidade encanta os visitantes com os seus mais de 100 quilómetros de praias de águas cristalinas, que se assemelham ao mar. Destaca-se a região da vila balneária Alter do Chão, localizada a 40 quilómetros de Santarém e considerada pelo The Guardian a praia mais bonita do Brasil. Santarém fica a 1.330 quilómetros de Belém.

A vila recebe ainda o Sairé, uma das maiores manifestações folclóricas da região e que atrai turistas provenientes de todos os cantos do mundo. Segundo os historiadores, o festival, introduzido na Amazónia durante as missões evangelizadoras dos padres jesuítas no final do século XVII, está repleta de simbolismo, com detalhes que remetem para a influência do período da colonização. O maior exemplo destes aspetos é o arco de Sairé, que se assemelha a um escudo português e que comemora o Espírito Santo.

Amapá

A cidade de Macapá (capital do estado Amapá) inclui, entre os pontos de interesse, o Marco Zero, onde se pode colocar um pé em cada hemisfério - norte e sul. No centro, a Fortaleza de São José do Macapá, edificada em 1782, exibe muralhas de 15 metros de altura.

Amazonas

A Tocha chegou ao estado de Amazonas no dia 19 de junho, e seguiu viagem no dia 20 de junho. As cidades visitadas foram: Manaus, Iranduba e Presidente Figueiredo. A chama olímpica passou por alguns dos principais pontos turísticos de Manaus: a Arena da Amazónia, o Teatro Amazonas e a Ponte Rio Negro.

Rondônia

Os visitantes de Porto Velho poderão observar os botos e admirar a vegetação em passeios de barco pelos rios da região. O Rio Guaporé é o principal cenário da pesca desportiva. Porto Velho, por outro lado, é célebre pelo artesanato, que inclui cestas de palha e de fibra vegetal, peças em madeira, arcos, flechas, sinos e outros artefactos indígenas. Na gastronomia, o peixe predomina: o guisado de tambaqui e a dourada na brasa são os principais pratos da cozinha local.

 


Loading. Please wait...

Fotos popular