Pravda.ru

Desporto

Brasil é tetracampeão e Espanha é humilhada com olé!

02.07.2013
 
Brasil é tetracampeão e Espanha é humilhada com olé!. 18435.jpeg

Copa das Confederações:- Brasil é tetracampeão e Espanha é humilhada com olé!

Por ANTONIO CARLOS LACERDA

PRAVDA.RU

RIO DE JANEIRO/BRASIL - O Brasil derrotou a Espanha por 3 a 0 no Maracanã, no Rio de Janeiro, e é tetracampeão da Copa das Confederações. Houve até Olé dos jogadores brasileiros sobre os espanhóis que, desesperados, humilhados e sem rumo, chegaram a perder pênalti e ter um jogador expulso por jogo violento.

Os gols do Brasil foram marcados por Fred (2) aos dois minutos do inicio do primeiro e do segundo tempo, e Neymar (1), faltando dois minutos para encerrar o primeiro tempo.

A Itália venceu o Uruguai nos pênaltis, e o resultado oficial da Copa das Confederações é o seguinte: Campeão, Brasil; Vice-Campeã, Espanha; terceiro lugar, Itália; quarto lugar, Uruguai. 

Enquanto o jogo acontecia dentro do Maracanã, do lado de fora do estádio, milhares de pessoas enfrentavam a policia em uma guerra de rua, protestando contra a corrupção na política e no governo e também contra a realização das copas das Confederações e do Mundo em 2014 no Brasil.

Bombas e tiros cruzavam as ruas e avenidas no entorno do Maracanã, no Rio de Janeiro, que foi transformado em uma 'Praça de Guerra", com feridos por toda parte.

Como se não bastasse, os presidentes da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), José Maria Marin, e da FIFA, Joseph Blatter, foram calorosamente vaiados por 75.000 pessoas antes do inicio do jogo.

A presidente do Brasil, Dilma Rousseff, que no jogo de abertura da Copa, em Brasília, foi vaiada de pé por mais de 70.000 pessoas, e afirmou que estaria assistindo a final no Maracanã e entregaria o troféu ao País campeão, não apareceu ao evento.

Por conta dos protestos de ruas em todo País, contra a realização das copas das Confederações e do Mundo no Brasil, a presidente Dilma Rousseff sofreu o maior desgaste político da história brasileira, e, se as eleições fossem hoje, ela não seria reeleita presidente do Brasil no primeiro turno, segundo pesquisas de opinião popular.

ANTONIO CARLOS LACERDA é Correspondente Inteernacional do PRAVDA.RU

 


Loading. Please wait...

Fotos popular