Pravda.ru

CPLP » Timor Leste

Dia Internacional da Mulher

08.03.2008
 
Dia Internacional da Mulher

Mensagem do Presidente de Timor Leste, José Ramos-Horta - Neste dia eu peço a todas as pessoas de Timor Leste, para parar com violência doméstica, violência contra mulheres e crianças. Espero isso não só em Timor Leste mas no mundo inteiro; não só para hoje mas todos os dias.

8 de Março de 2008

Hoje mulheres no mundo inteiro celebram o Dia Internacional da Mulher. Com profundo respeito eu desejo felicitar todas as mulheres de Timor-Leste.

Neste dia eu peço a todas as pessoas de Timor Leste, para parar com violência doméstica, violência contra mulheres e crianças. Espero isso não só em Timor Leste mas no mundo inteiro; não só para hoje mas todos os dias.

Temos que lembrar-nos que as mulheres são nossas sócias e umas "luzes" importantes para as famílias e as sociedades, para criar estabilidade na nossa nação e estabilidade no mundo.

Timor Leste mostrou sua convicção em aderir aos Direitos de Valores Humanos em construir uma sociedade com Justiça, Liberdade e Igualdade. Estes têm que ser as raizes do nosso cotidiano.

Da minha cama de hospital eu dou meu apoio às mulheres de Timor Leste e a todas as pessoas de Timor, aderir às Convenções sobre Direitos Humanos, especialmente a Convenção na Eliminação de Discriminação Contra Mulheres, que foi ratificada por nosso país.

Os incidentes de 11 de fevereiro não me deterão, nem qualquer pessoa em Timor, de construir um Timor baseou em respeito para vida e a dignidade do ser humano. Recusamos o uso de uma pena de morte, encarceramento perpétuo e todas as outras formas de violência perpetuada pelo estado em seus cidadãos. Tenho recentemente reconfirmado este empenho no Dia dos Direitos Humanos em Dezembro passado.

Nós não devemos esquece-nos do sacrifício das mulheres de Timor durante nossa luta pela liberdade, nós devemos estimar e devemos lembrar-nos das suas lágrimas e sofrimento. Temos que construir um Timor de direitos iguais para homens e mulheres - igualdade entre cidadãos nos olhos da lei.

Nós também devemos lembrar-nos das crianças porque são nossos futuros.

Devemos continuar a criar uma atmosfera de estabilidade, de modo que as pessoas não se sintam amedrontados, e que tenham confiança em amanhã.

As mães e mulheres tomam conta da educação não violente das nossas crianças, sua saúde e preparamnas para seu futuro.

Neste Dia Internacional da Mulher, eu prometo para as pessoas de Timor-Leste, homens e mulheres, em Dili e nos Distritos, na cidade, nas aldeias, em todas as circunstâncias, uma vida com tranqüilidade que é livre de violência em suas comunidades.

A nossa Nação não será construída de violência mas de paz. Isto é nossa esperança para os nossos jovens e gerações futuras.

José Ramos-Horta


Loading. Please wait...

Fotos popular