Pravda.ru

CPLP » São Tomé

Instabilidade em São Tomé

16.10.2007
 
Instabilidade em São Tomé

Praça da Independência - A situação política e social santomense não goza de uma boa saúde, podendo mesmo dizer de que está enferma e moribunda. Por isso, os partidos políticos sem assento parlamentar convocou uma manifestação essa tarde para pedir ao governo que chegou a hora de deixarem o palácio do governo ou seja que os aconselham a pedir a demissão em bloco e não uma remodelação governamental.

Para o espanto da população aí presente, foi destacado na praça da independência forças militares com objectivo de amedrontarem os manifestantes o que nunca for a visto na capital santomense.

Duas vezes o oficial do exército dirigiu aos responsáveis da manifestação pedindo em tons sarcásticos que desligassem aparelhos de som o que, não for a acatada continuando sempre manifestando e com músicas e discursos na presença do grupo de 10 militares.

Os manifestantes com a presença dos militares na praça da independência resolveram deslocarem-se à praça de táxis, que é próximo do palácio do governo.

Recorde-se que ontem na sessão parlamentar os partido de oposição, respectivamente o A. D. I. (Acção Democrática Independente) e o maior partido politico o M. L. S. T. P. Exigiram que o governo de Tomé Vera Cruz, deve ser remodelado enquanto que o segundo partido (M.L.S.T.P), exigia mesmo o pedido de demissão.

É bom verificar que desde que o actual governo tomou posse que tem “mexido” com a barriga DA população santomense, basta dizer que um quilo de arroz que custava 6000 (seis mil dobras – STD) actualmente está a 11 mil STD, litro de óleo soja poderá atingir aos 25 ou 30 mil STD, gasolina passou de 16 mil a 20 mil por litro que até ao final do ano poderá atingir 25 mil STD, quilo de leite em pó que custava 35 mil STD, passa a custar 100 mil STD, …. Uma lista interminável de produtos que se poderia mencionar, por isso e mais erros cometidos na governação nestes últimos 18 meses faz com que a população sai a rua, tendo a recepção dos militares, mesmo assim até ao momento (17h11) está a decorrer a manifestação sem grandes sobressaltos.

Segue em anexo uma captação de imagem de alguns militares filmados e que dirrigiram a mim informando-me que era proibido recolher imagens de militares aí estacionados.

Num passado recente (semana pasada) os "ninjas" polícias de intervenção rápida santomense, fez refém o comando da polícia nacional exigindo subsídios e que acabou num pedido de desculpas por parte dos ninjas. Hoje, com essa manifestação, a situação dos ninjas, o pedido de demissão do governo feita pela oposição, o presidente da républica Fradique de Menezes ausentou do território nacional.

Inocêncio Batista da Costa


Loading. Please wait...

Fotos popular