Pravda.ru

CPLP » Portugal

23 detidos em operação policial em 4 regiões de Portugal

23.07.2007
 
23 detidos em operação policial em 4 regiões de Portugal

 A GNR reaiizou ontem uma operação em quatro regiões de Portugal envolvendo 400 efetivos que acabou com a detenção de 23 indivíduos do sexo masculino, 18 deles com mandato de detenção, no âmbito de uma operação de combate ao crime organizado, escreve O Primeiro de Janeiro. Segundo Paulo Delgado, tenente do Destacamento Territorial da GNR de Barcelos  foram apreendidos, “na operação ‘El Pibe 1 x 2’”, nome do processo judicial, “20 viaturas, algumas delas de alta cilindrada, motos, cinco mil euros em dinheiro vivo, duas caçadeiras e dois revólveres, munições várias, duas motas de água, diverso material de construção civil, cerca de duas dezenas de livretes e registos de automóveis roubados, luvas e tacos de baseball que alegadamente usariam durante os assaltos à mão armada”.

Os indivíduos detidos, com idades compreendidas entre os 25 e os 40 anos, “trabalhariam em conjunto” e dedicar-se-iam, ao que indica fonte policial, “a assaltos a armazéns, roubos de caixas Multibanco, furto a moradias, roubo de automóveis, carjacking – coacção de condutores a entregarem as viaturas aos assaltantes, mediante violência física”. Vários dos crimes, adianta a GNR, foram efectuados à mão armada.

A operação centrou-se “nos distritos de Braga (no concelho de Esposende), Porto (com acção nos concelhos de Vila do Conde, Póvoa de Varzim e Matosinhos), em Vila Real e no concelho de Pinhel no distrito da Guarda”. Do total dos detidos, a maior fatia residia no concelho de Esposende – número não quantificado pelas autoridades.

 “No distrito do Porto, sei que detemos um indivíduo”. Os indivíduos vão hoje ser presentes a Tribunal de Esposende, para se procederem aos habituais interrogatórios. No total, foram feitas “60 buscas domiciliárias” e uma “pequena parte dos detidos – qua actuam como vigilantes e seguranças de algumas casas de diversão nocturna – são ainda suspeitos de favorecimento da prostituição e apoio à imigração ilegal”. “Indícios que ainda se encontram sob investigação”, reitera o agente.
Filho de ex agente suspeito


Loading. Please wait...

Fotos popular