Pravda.ru

CPLP » Portugal

Durão Barroso nega voos ilegais da CIA enquanto foi PM

18.09.2006
 
Durão Barroso nega voos ilegais da CIA enquanto foi PM

O presidente da Comissão Europeia ,José Manuel Durão Barroso, negou hoje que tenha dado autorização ou tenha tido conhecimento de voos ilegais da CIA em território português enquanto foi o  primeiro-ministro.

 Numa declaração lida hoje em Bruxelas pelo porta-voz do executivo comunitário, Johannes Laitenberger, Barroso assegura que, enquanto chefe de Governo, nunca autorizou voos de transporte de prisioneiros ou outras actividades dos serviços secretos norte-americanos (CIA) que violassem a lei portuguesa, nem tão pouco teve conhecimento de tais actividades.
        
A questão foi suscitada durante a conferência de imprensa diária da Comissão Europeia, numa altura em que prosseguem as averiguações da comissão temporária do Parlamento Europeu (PE) sobre as alegadas actividades da CIA no espaço comunitário, e é esperada uma resposta das autoridades portuguesas ao "convite" que foi recentemente dirigido pela comissão ao ministro dos Negócios Estrangeiros, Luís Amado, para prestar esclarecimentos.
        
Questionado sobre a eventualidade de também o presidente da Comissão Europeia ser convidado a prestar declarações perante a comissão temporária do PE, o porta-voz indicou que não tem conhecimento de qualquer iniciativa nesse sentido, mas lembrou que, por razões institucionais, o presidente do executivo não pode testemunhar sobre questões que dizem respeito às autoridades portuguesas.


Lusa


Loading. Please wait...

Fotos popular