Pravda.ru

CPLP » Portugal

Entre mortos e feridos, alguém irá escapar?

07.12.2010
 

Nos últimos meses temos assistido ao clímax do salve-se quem puder, constatado o facto de ser impossível manter o "nosso modo de vida" pelo qual se armaram recentemente guerras ruinosas - para a civilização ocidental, que não para o complexo militar-industrial. A onda de perversidade tem vindo a engrossar para três dimensões e está a concretizar-se em nossas casas, transformando-as num meio social tão simples como os proporcionados pelos reality-shows: quem vai ser expulso esta semana?

Uma notícia informa: as administrações hospitalares confrontadas com a necessidade de conter despesas - apesar dos evidentes desperdícios - declaram-se incapazes de trabalhar nesse cenário (como os bancos). Para dar consistência substantiva a tal notícia declaram não ter disponibilidade para pagar as despesas de tratamento de doentes HIV que estejam presos. Poderiam ser os ciganos, como Sarkozy, ou os imigrantes como Berlusconi. Para quem administra por conta o Serviço Nacional de Saúde - a discriminação é um instrumento de gestão.

Receosos de que a onda de imoralidade possa continuar a grassar, e antes que engrosse mais, somos presentes publicamente a dizer NÃO! Não haverá futuro nem para Portugal, nem para a Europa, nem para a civilização ocidental sem respeito pelos direitos humanos de todos - porque só assim haverá respeito por cada um.

REDE POSITIVO PT, http://positivopt.ning.com/

Opus Gay, http://www.opusgay.org

Vidas Alternativas, http://www.vidasalternativas.eu

ACED - SOS Prisões, http://iscte.pt/~apad/ACED; http://www.sosprisoes.blogspot.com/

 


Loading. Please wait...

Fotos popular