Pravda.ru

CPLP » Brasil

FARC envia mensagem ao MST

16.06.2007
 
FARC envia mensagem ao MST

Saudação das FARC ao Quinto Congresso Nacional dos Trabalhadores Rurais Sem Terra –MST- Brasília - Brasil

Saudamos com sentido bolivariano, patriótico e revolucionário a magna Celebração do seu Quinto Congresso Nacional “REFORMA AGRÁRIA: POR JUSTIÇA SOCIAL E SOBERANIA POPULAR”

Em uma hora boa, realizam vocês seu Congresso porque demonstram claramente que a formação política, a organização, a unidade e a solidariedade dos trabalhadores, começando pelos camponeses, são realidades fundamentais para alcançar as transformações políticas, sociais e econômicas que com novos brios surgem em América Latina e O Caribe.

Sabemos todos que essas transformações têm como motor principal a luta popular em suas mais variadas formas. Entre elas, sem dúvida, a luta pela terra, vale dizer, a Reforma Agrária! Essa luta é Causa Comum dos camponeses de toda América Latina e O Caribe, é tão antiga como nossa história mesma e nunca como agora sua vigência é mais palpitante e atuante.

Companheiros e Companheiras do MST: Lutar por uma Reforma Agrária que distribua a terra eqüitativamente, com tecnologia e créditos favoráveis; uma Reforma Agrária que dê prioridade à lavoura de alimentos para o consumo interno, que faça possível o melhor estar das famílias camponesas, deviera ser realmente uma política de Estado. Por isto, a atual luta em América Latina e O Caribe leva implícita a criação de um Estado de novo tipo, um regime político que interprete nossas realidades e, uns governos que caminhem sobre suas próprias pernas, vale dizer, soberanos e independentes. Rumo a essa realidade caminhamos já. Por isso, em cada país esse processo, do qual vocês formam parte, está avançando.

É um desafio lutar pela Reforma Agrária porque nos enfrenta com interesses muito poderosos que têm por base o Neoliberalismo e o agronegocio baseado no latifúndio que enxotam camponeses e indígenas. É uma luta que custa sacrifícios, dor, sangue e morte. Vocês sabem disso muito bem. Felizmente, a resistência popular é uma expressão política e leva em si o germe da Vitória!

Uma das rações principais de nossa luta revolucionaria na Colômbia é a Reforma Agrária de verdade, que os governos liberais e conservadores das oligarquias não fazem porque defendem os interesses dos grandes latifundiários e pecuaristas, que também são narcotraficantes, financeiros e instigadores das quadrilhas dos paramilitares ao serviço do Terrorismo de Estado. No caso colombiano, é impossível uma autêntica Reforma Agrária, sem antes conquistar o poder político para o povo. Estamos convencidos da plena vigência da combinação de todas as formas de luta de massas pela Nova Colômbia, a Pátria Grande e o Socialismo, como foi definido há poucos meses pela nossa Nona Conferência Nacional.

Desejamos-lhes muitos êxitos, amor imperecível à Mãe Terra e vontade inesgotável de lutar pela Justiça Social e a Soberania Popular.

Contra o Imperialismo...pela Pátria!

Contra a Oligarquia... pelo Povo!

Somos FARC, Exército do Povo.

Comissão Internacional

Montanhas da Colômbia, Junho de 2007


Loading. Please wait...

Fotos popular