Pravda.ru

CPLP » Brasil

Manchetando o golpe de Estado no Brasil

14.03.2018
 
Manchetando o golpe de Estado no Brasil. 28394.jpeg

Manchetando o golpe de Estado no Brasil


Le Monde, de algumas semanas atrás, estava certo, ao dizer que "O Brasil é uma democracia em decandência" e que "A Justiça no Brasil não é para todos".

Deputados americanos, em apoio a Lula e contra a perseguição absurda da justiça, humilhou o judiciário brasileiro.

por Álvaro Ricardo Gonçalves 

O ex-ministro do STF Sepúlveda Pertence afirmou que perseguição a Lula é a pior desde Getúlio Vargas.

Jurista Afrânio Silva Jardim classifica de simulacro o julgamento de Lula. 

Comunidade jurídica brasileira critica condenação de Lula por Sérgio Moro. 

The New York Times publicou em manchete: Moro é partidário e jogou a democracia do Brasil no abismo.

Jurista italiano Luigi Ferrajoli vê traço inquisitório na condenação de Lula.

O mundo inteiro denuncia o golpe brasileiro - Port.Pravda.Ru

Chris Williams, parlamentar britânico, denunciou que o objetivo politico da Lava Jato é tirar Lula das eleições.

Jurista australiano Geoffrey Robertson, após condenação de Lula: "Que tipo de república de bananas é essa?" 

A TV Hispan (espanhola) denunciou os interesses políticos em condenar Lula.

The New York Times: Brasileiros que saíram da pobreza com o PT estão voltando após o impeachment. 

Delegados da PF Paulo Lacerda e Luiz Fernando Correa disseram a Moro que Lula só lhes deu apoio.

O filósofo italiano Antonio Negri disse que destruir a figura de Lula é um absurdo e que a direita não tem cérebro.

Pesquisa do Instituto Quest mostra que para 54,7% dos brasileiros Lula foi condenado injustamente.

Vivemos um capítulo nebuloso da nossa Justiça, que poderia ter evitado todo esse fracasso brasileiro, se tivessem julgado o recurso que prova o golpe do impeachment sem crime de responsabilidade. 

Sérgio Moro, o grande personagem deste desastre, foi apontado por cientistas políticos como tendo sido orientado pelo FBI para comprometer a democracia do Brasil. 

O Papa Francisco, que visitou o Brasil no governo Dilma, prometeu voltar, mas desistiu da viagem, em vista do golpe de Estado em que o Brasil vive nos dias de hoje. Temer convidou o Papa Francisco para vir ao Brasil no Dia da Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida. Ele recusou o convite e, através de um enviado especial, mandou uma lembrança para o ex-presidente Lula.

E para aumentar essa humilhação, Trump vem à America do Sul e não vem ao Brasil. Eles se aproveitam dos golpistas, mas os abominam.

 


Loading. Please wait...

Fotos popular