Pravda.ru

CPLP » Brasil

Excrementocracia

12.04.2013
 
Excrementocracia. 18093.jpeg

A democracia, plena e definitiva, não vigora em solo brasileiro. O que há é um arremedo, uma costela quebrada, uma água turva onde não conseguimos estabelecer e distinguir conceitos capazes de ungir a nação e criar um ambiente sociopolítico minimamente saudável. É terrível, mas não há dignidade no Brasil.

HELDER CALDEIRA*

"Parece-me bem claro que o Brasil não teve ainda um bom governo, capaz de atuar com base em princípios, na defesa da liberdade, sob o império da lei e com uma administração profissional". Assim descreveu, em 1994 numa entrevista exclusiva à revista Veja, a ex-primeira-ministra Margaret Thatcher, a "Dama de Ferro" britânica, falecida na última segunda-feira, 08 de abril. Estava absolutamente correta e, por tétrico, sua perspectiva sobre a realidade política brasileira permanece atualíssima quase duas décadas depois. Seguimos sem um bom governo, princípios, liberdades, leis efetivas e profissionais sérios à frente da administração do país.

A democracia, plena e definitiva, não vigora em solo brasileiro. O que há é um arremedo, uma costela quebrada, uma água turva onde não conseguimos estabelecer e distinguir conceitos capazes de ungir a nação e criar um ambiente sociopolítico minimamente saudável. É terrível, mas não há dignidade no Brasil. Há "jeitinhos". A quem duvidar possa, observemos os últimos movimentos.

Que país sério permite uma gangue, disfarçada de agremiação política, tomar o Estado em assalto, entupi-lo de apaniguados, saquear seus cofres e manter esse esquema por inacreditáveis 10 anos gozando de máxima aprovação popular? Que gente é essa que se acomoda e não enxerga as manipulações tacanhas de um governo que sequer consegue distinguir o que é público do que é privado? Que país é esse?!

Que Brasil é esse que pretende sediar nos próximos dias e anos os maiores eventos mundiais e um volume extraordinário de turistas, mas não consegue sanar seus básicos problemas internos? Condutores do transporte público cheirando cocaína no horário de trabalho e diante das câmeras; outros brigando com passageiros a ponto de perder a direção do veículo e despencar de uma ponte, provocando sete vítimas fatais; vans legalizadas que assaltam turistas; transporte alternativo que vira espetáculo de horrores, palco de estupro e outras violências em seu mais alto grau. Uma barbárie urbana que continuamos chamando de "Cidade Maravilhosa" (e ai daquele que ousar dizer o contrário!). Que país é esse?!

Que nação é capaz de transformar em deboche e desespero seu Corpo de Bombeiros, uma corporação que, ao redor do planeta, inspira extrema confiança e respeito na sociedade? O que são essas pessoas que habitam o solo brasileiro e não adotam uma postura radical contra um Estado roubado e sucateado, a ponto de permitir que uma cidade no interior do Piauí utilize um caminhão limpa-fossa e excrementos para apagar incêndios, tapando o buraco da falta de bombeiros na região. Que país é esse, minha gente?!

Onde no mundo podemos assistir um parlamentar acusado de racismo, homofobia e de crimes contra o laicismo do Estado assumir a presidência de um colegiado de Direitos Humanos e Minorias e, após o escândalo ganhar a imprensa, chantagear e vencer os líderes do Poder Legislativo? Descaradamente, o deputado afirmou que só deixa a presidência se outros dois deputados, condenados por farta corrupção, também sejam defenestrados de seus postos na Comissão de Constituição e Justiça do parlamento. Também poderia ter questionado a legitimidade excrescente da atual presidência do Senado Federal. Que povo é esse que não vai às ruas protestar severamente contra essa bandalheira institucional? Que país é esse?!

Se por democracia compreendemos o mergulho espontâneo dos brasileiros em suas próprias fezes, talvez tenhamos inventado um novo conceito de regime governamental: a Excrementocracia.

Escritor, Jornalista Político e Apresentador de TV

www.ipolitica.com.br - helder@heldercaldeira.com.br

*Autor dos livros "ÁGUAS TURVAS" e "A 1ª PRESIDENTA".

 

 

 


Loading. Please wait...

Fotos popular