Pravda.ru

CPLP » Brasil

Brasil: Combate à pobreza rural

06.05.2008
 
Brasil: Combate à pobreza rural

Territórios da Cidadania destina R$ 704 milhões para combate à pobreza rural - O governo federal destinará R$ 704,3 milhões para implantação de Territórios da Cidadania no estado do Piauí. O Programa foi lançado naquele estado nesta segunda-feira (5) e tem como objetivo garantir a universalização das políticas públicas do governo federal e combater a pobreza rural nos quatro Territórios do estado: Carnaubais, Entre Rios, Serra da Capivara e Vale do Guaribas.

O governo federal destinará R$ 704,3 milhões para implantação de Territórios da Cidadania no estado do Piauí. O Programa foi lançado naquele estado nesta segunda-feira (5) e tem como objetivo garantir a universalização das políticas públicas do governo federal e combater a pobreza rural nos quatro Territórios do estado: Carnaubais, Entre Rios, Serra da Capivara e Vale do Guaribas.


O território Carnaubais tem 49 ações previstas e receberá investimento de R$ 80,9 milhões. Entre as principais ações está o Programa Nacional de Crédito Fundiário, que beneficiará 398 famílias, com recurso estimado de R$ 8,7 milhões. O Programa Luz para Todos fará 579 ligações de energia, com investimento de R$ 4,1 milhões, e crédito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) para 8.683 famílias, com R$ 11 milhões. O território Entre Rios tem R$ 325,2 milhões reservados para as 55 ações previstas, incluindo a ampliação do acesso aos medicamentos essenciais por meio da Farmácia Popular do Brasil, com a implantação de 22 farmácias, com recursos no valor de R$ 1,2 milhão. Também serão realizadas 1.211 ligações do Programa Luz para Todos, com recursos de R$ 8,5 milhões.


Para o território Serra da Capivara serão destinados R$ 89,7 para a realização de 57 ações como a construção de 605 cisternas e o beneficiamento de 930 famílias por meio do projeto Dom Helder Câmara. O Vale do Guaribas terá R$ 208,4 milhões, que serão aplicados em 62 ações como o Programa Bolsa Família, que chegará a 44.894 novas unidades familiares, e o programa Cisternas, que prevê a construção de 1.120 cisternas na região.


Segurança - Os profissionais de segurança pública do Piauí serão beneficiados com dois projetos: o Bolsa Formação e o Plano Habitacional, criados no âmbito do Programa Nacional de Segurança Pública (Pronasci). O Bolsa Formação é dirigido aos policiais militares e civis, bombeiros, agentes penitenciários e peritos e o objetivo é oferecer incentivo financeiro, por meio da melhoria do salário, e qualificação profissional. A expectativa é atingir 8,9 mil profissionais no Piauí, que também farão cursos credenciados pelo Ministério da Justiça, a distância ou na Universidade Federal do Piauí.


Outro benefício para a categoria é a adesão do Piauí ao Plano Nacional de Habitação para Profissionais de Segurança Pública do Pronasci, que conta com o apoio da Caixa Econômica Federal. Serão oferecidas unidades populares para os profissionais de baixa renda e cartas de crédito para aquisição da casa própria.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República


Loading. Please wait...

Fotos popular