Pravda.ru

CPLP » Angola

UNICEF apoia a abertura de 20 postos de Registo de Nascimento nas maternidades de Luanda

12.07.2016
 
UNICEF apoia a abertura de 20 postos de Registo  de Nascimento  nas maternidades de Luanda. 24696.jpeg

Entregue à Direcção Nacional dos Registos e do Notariado, um pacote de materiais informáticos, no âmbito do projecto de expansão do Registo nas Maternidades financiado pela União Europeia. 

Luanda 11  de Julho de 2016 - O UNICEF Angola fez a entrega de 40 kits informáticos à Direcção Nacional dos Registos e do Notariado que servirão para equipar as maternidades, no âmbito do projecto de reforço de expansão do registo de nascimento que pretende assegurar que um maior número de crianças obtenha o certificado de registo antes de sair da maternidade. 

O pacote composto por computadores, scanners, fotocopiadoras e impressoras será enviado a um total de 20 maternidades previamente identificadas na província de Luanda. A entrega faz parte de um programa mais amplo que inclui outras seis províncias (Uíge, Moxico, Huíla, Bié, Kwanza Sul e Malanje) onde foram identificadas mais 40 maternidades que também deverão receber os seus materiais informáticos tão logo estejam disponíveis.  

Durante o acto de entrega dos materiais, Amélia Russo de Sá, Representante Adjunta do UNICEF, destacou que a "expansão dos serviços nas maternidades vai facilitar o acesso gratuito aos serviços de registo de nascimento para milhões de crianças recém nascidas em diferentes localidades do pais". A responsável aproveitou a ocasião para agradecer o grande suporte da União Europeia que "através de um acordo com o UNICEF, financia a compra de todo material e a realização de outras intervenções para o reforço da massificação do registo".  

Por sua vez o Director Nacional dos Registos e do Notariado, Claudino Filipe, realçou que "a meta do Governo é registar o maior número de crianças logo a nascença e por isso está em marcha o projecto Nascer com Registo". O responsável disse ainda que a disponibilização deste kit "é também um contributo para o processo de modernização da direcção dos registos", por essa razão "o projecto foi gizado no sentido de se terem os computadores junto das maternidades ou centros maternos infantis para assim poder registar a criança e a informação ficar logo numa base de dados" acrescentou.  

Espera-se que os primeiros postos de registo nas maternidades entrem em funcionamento a partir deste mês de modo a contribuir para aumentar a percentagem de crianças com registo antes dos 5 anos de idade, que de acordo os dados do Censo 2014, é de apenas 25%.  

UNICEF Angola


Loading. Please wait...

Fotos popular