Pravda.ru

CPLP

Eleições SP: Kassab surpreende e passa à frente de Marta; dupla disputa para segundo turno

06.10.2008
 
Eleições SP: Kassab surpreende e passa à frente de Marta; dupla disputa para segundo turno

Já era esperado o candidato Gilberto Kassab (DEM, antigo PFL) chegar ao segundo turno da disputa pela prefeitura de São Paulo, mas o fato de ficar em primeiro lugar – à frente da candidada do PT, Marta Suplicy – supreendeu muitos.

Nas últimas semanas, Kassab cresceu consideravelmente nas intenções de voto dos paulistanos, em uma reviravolta na corrida eleitoral paulistana, já que a ex-prefeita liderou por quase toda a campanha.

Esta ascenção foi confirmada na apuração. Na noite de domingo, dia da votação, cerca de 99% dos votos já estavam contados. Kassab recebeu 33,61% dos votos, contra 32,78% de Marta. Em números absolutos, são 2,14 milhões para o candidato do DEM, e 2,08 milhões para a petista.

A diferença final entre os dois candidatos, de 0,82%, é relativa a apenas 52.094 votos de um total de 7.650.821 da eleição para a Prefeitura de São Paulo. A pesquisa de boca-de-urna realizada pelo Ibope neste domingo apontava 36% das intenções de voto para Marta e 32% para Kassab. E as pesquisas divulgadas no sábado, tanto pelo Ibope como pelo Datafolha, também indicavam um segundo turno entre Marta e Kassab com a petista terminando na liderança deste primeiro turno.

O diretor do Instituto Datafolha, Mauro Paulino, confirmou ao jornalista Roberto José de Toledo que realmente houve uma surpresa nas eleições paulistanas, mas disse que o órgão que faz as pesquisas acertou na tendência. “Só na última hora que o eleitor toma sua decisão. A partir do momento que esse eleitor que estava entre Kassab e Alckmin, definiu-se pelo Kassab, o resultado mudou”, falou.

O partido de Kassab levou vantagem também porque recebeu os votos dos ‘anti-petistas’. Mas a primeira conquista dele certamente foi bater seu adversário, Geraldo Alckmin (PSDB), com quem disputou a vaga do segundo turno e o apoi do governador José Serra (PSDB).

Agora, Marta Suplicy terá que enfrentar a popularidade de seu adversário. O partido dela já governou a cidade por duas vezes, com duas mulheres no comando. A primeira delas foi Luíza Erundina, entre 1989 a 1992. Marta foi prefeita entre 2001 e 2004. Sua arma para reconquistar a popularidade será usar a imagem do presidente Lula com ais intensidade e procurar pelos candidatos anti-DEM.

Zonas eleitorais

As zonas que manifestaram maior apoio a Kassab foram Jardim Paulista (48%), Indianópolis (47%), Santo Amaro (45%), Santana (45%), Mooca (44%), Pinheiros (44%), Saúde (44%) e Vila Mariana (44%). São algumas das regiões com mais forte voto de classe média e que têm se mostrado bastante resistentes ao PT.

Marta teria sido eleita já no primeiro turno pelas zonas de Parelheiros (70%), Grajaú (68%), Cidade Tiradentes (62%), Piraporinha (60%), Guaianazes (57%), Perus (55%), Capão Redondo (53%) e São Mateus (53%), algumas das regiões mais pobres da cidade.

O segundo turno das eleições municipais será no dia Dia 31 de outubro, das 8h às 17h.

Thatiza Curuci


Loading. Please wait...

Fotos popular