Pravda.ru

Negόcios

O Império balança

29.06.2008
 
O Império balança


O fenômeno da queda de audiência da Globo nos últimos meses já ultrapassou os muros de uma mera rivalidade entre ela e a concorrente Record. Agora é pra valer! Está nas folhas dos jornais e na Internet, que a Globo perdeu, segundo o Ibope, nos últimos cinco anos, 20 por cento da audiência entre 7 da manhã e meia noite.

O fenômeno da queda de audiência da Globo nos últimos meses já ultrapassou os muros de uma mera rivalidade entre ela e a concorrente Record. Agora é pra valer! Está nas folhas dos jornais e na Internet, que a Globo perdeu, segundo o Ibope, nos últimos cinco anos, 20 por cento da audiência entre 7 da manhã e meia noite.


Falar em queda do império, pode até parecer um exagero , mas se recorrermos à história vamos constatar que o que está acontecendo não está tão longe da verdade, não. Qualquer semelhança seria mera coincidência?


Os historiadores ensinam que a “queda do Império romano foi causada por uma série de problemas internos que fragilizaram o Império e o colocaram à disposição de invasões de outros povos”. Apesar de ser uma obviedade, todo Império começa a decair após alcançar o seu apogeu, e com Roma não foi diferente.


Sem querer forçar a barra, não é mais ou menos o que está acontecendo na Globo? Pela própria mídia especializada sabe-se que problemas como briga pelo poder, dívidas e sobreposição de egos têm colocado a hegemonia da emissora em cheque.


Talvez ela tenha crescido tanto que perdeu a identidade e está se fragilizando pela própria mordida, ou seja, ela criou o monstro e foi engolida por ele.


Quando a Globo poderia imaginar que alguém teria poder de fogo para usar a mesma fórmula de sucesso que garantiu sua liderança por décadas?O formato vitorioso deu resultado nos estúdios da Barra Funda e se refletiu nos índices de audiência da emissora, o que, curiosamente, prova que a Globo teve o mérito de descobrir uma grade infalível de programação.


Mas, a meu ver, ela está perdendo o bonde ao se acomodar com a liderança, fenômeno que acontece com todo mundo que está na frente de uma competição e acha que nunca vai ser alcançado. Relaxou...dançou.


Hoje não existe mais o ovo de Colombo em nenhum segmento, principalmente no de televisão. Não há mais o que descobrir e sim aprimorar.


Falta talvez à Globo a humildade dos grandes conquistadores e dos sábios de dar oportunidade a quem está chegando, ao sangue novo sem vícios. Ignorando isso, ela abriu um leque de oportunidades à Record que ao contrário da rival vem investindo em novos talentos e idéias.


Com isso, a Globo que nunca precisou “se deitar na cama pra fazer a fama” está correndo atrás dos pontos perdidos no Ibope fazendo auto-promoções na mídia escrita onde tenta vender ainda seu peixe.


A verdade é que nenhum monopólio faz bem. Para os mercados artístico e publicitário o importante mesmo é o sucesso individual do produto para que ele possa se sobressair e garantir a vitória antes mesmo do público mudar de canal.

Leila Cordeiro

Ler original em

http://www.guiasaojose.com.br/novo/coluna/index_novo.asp?id=1164


Loading. Please wait...

Fotos popular