Pravda.ru

Negόcios

Brasil: Em 23% cresce o número de indivíduos possuindo celulares

27.03.2008
 
Brasil: Em 23% cresce o número de indivíduos possuindo celulares

Em 2007 cresceu 23% o número de indivíduos que possuem ao menos um celular no Brasil. Em dezembro de 2006, a penetração dos aparelhos celulares estava na faixa de 54% da população. Em dezembro de 2007, o índice subiu 12 pontos percentuais e bateu a marca de 66% dos brasileiros.

Os dados constam de um estudo anual realizado pela LatinPanel, a maior empresa de consumo domiciliar do país, que ouviu 26 mil indivíduos para avaliar os hábitos de compra e uso da telefonia celular no Brasil. A amostra representa 80% da população ativa e 91% do potencial de consumo de celulares no país.

Mesmo com o amadurecimento do mercado de telefonia celular no país, o estudo revela que o ritmo de expansão da base de usuários não arrefeceu e o mercado cresce desde 2005 de forma uniforme. Prova disso é que os crescimentos da média mensal de novas aquisições se mantêm, foram habilitados 2,3 milhões de novos aparelhos mensalmente, em 2007, contra 2,1 milhões/mês no ano anterior.

O estudo revela ainda que se estabeleceu no país um verdadeiro mercado secundário de celulares que concorre com as operadoras. Cerca de 26% dos aparelhos adquiridas pelos usuários em 2007 foram compradas de segunda mão, ou seja, algo em torno de 7,2 milhões de aparelhos.

O Interior de São Paulo (Área 2) é onde o fenômeno se verifica com maior intensidade. Nesta área, 54% das compras de linhas se deram no mercado secundário. O Rio Grande do Sul (Área 6) ficou com a segunda colocação nesta modalidade de aquisição. Na região, 53% dos telefones celulares foram adquiridos de terceiros em 2007. A área 10, que congrega Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e Alagoas, é a terceira campeã das vendas de segunda mão. Nesta região, cerca de 34% das linhas adquiridas foram compradas de terceiros e não das operadoras, segundo a Redação – InvestNews.


Loading. Please wait...

Fotos popular