Pravda.ru

Negόcios

Companhias aéreas de baixo custo em Portugal

08.10.2007
 
Companhias aéreas de baixo custo em Portugal

Aumenta a actuação das companhias aéreas de baixo custo em Portugal. Mais de 20 companhias já voam para os aeroportos de Lisboa, Porto e Faro, segundo o  Diário de Notícias.

 A partir do dia 28, a Portela passa a ser servida por 12 low cost, com a chegada da SkyEurope que vai ligar Lisboa a Viena. Também o aeroporto do Porto, servido actualmente por oito companhias de baixo custo, vai ficar ligado a Milão (Malpensa) pela Volareweb.com e a Ryanair lança três novas rotas - Estocolmo, Pisa e Valência, enquanto a espanhola Vueling vai ligar a capital portuguesa a Sevilha em Dezembro.

O final de Outubro vai ficar ainda marcado pelo lançamento de várias rotas, aproveitando o fim-de-semana alargado. A easyJet vai aumentar as suas operações, a partir do dia 29, de Lisboa para Londres (Gatwick), Bristol, Liverpool e Madrid. Do Porto vai começar a voar para Genebra e Basileia, e inaugura duas rotas regulares para o Funchal, com partida de Londres (Stansted) e Bristol.

Dados da ANA-Aeroportos de Portugal revelam que as companhias low cost detém já uma quota de mercado superior a 27% do tráfego total dos aeroportos nacionais. A easyJet é a low cost que mais cresce no mercado português - 46% até Agosto, sendo considerada a segunda empresa aérea a operar no aeroporto de Lisboa, atrás da TAP. Também no Porto, a Ryanair ocupa a segunda posição a seguir à companhia de bandeira. Em Faro, as empresas low cost dominam, com a easyJet, Monarch e Transavia a ocupar os principais movimentos, relegando a TAP para o quarto lugar.

Entre Janeiro e Agosto, o aeroporto de Lisboa movimentou mais de 2,8 milhões de passageiros, um incremento de 9,8% face ao mesmo período do ano passado. Segundo a ANA, os principais operadores responsáveis pelo crescimento são a TAP (mais 17,1%) e a easyJet (mais 60,8%). Este facto não é alheio o aumento de 24,8% do tráfego para o Reino Unido. Já no aeroporto Sá Carneiro, no Porto, a Ryanair registou um crescimento nas suas operações de 48,6%, seguindo-se a TAP com 34,7%, como resultado da sua aposta nos voos de longo curso. Também em Faro, as companhias aéreas que mais cresceram no período considerado foram a easyJet, lidera com 17,7%, logo seguida pela Ryanair (104,9%).

Nova 'low cost' em Lisboa
A SkyEurope, considerada a principal low cost da Europa Central, vai começar a ligar directamente Lisboa a Viena, a partir do dia 28 deste mês, quatro vezes por semana. A companhia aérea vai operar a rota com aparelhos Boeing B-737 da nova geração com 149 lugares. Lisboa é o terceiro destino da SkyEurope na Península Ibérica, depois de Barcelona e Málaga. Aliás, as cidades espanholas de Barcelona, Madrid e Palma de Maiorca são as principais cidades espanholas operadas, com um total de 49 voos semanais com partida de Lisboa, seguindo-se o Reino Unido, com 30 voos, sobretudo para Londres. Bruxelas é o terceiro destino, com 22 voos semanais operados pela Brussels Airlines.

Os preços são o principal argumento das low cost mas para se aproveitar as promoções, as reservas têm de ser feitas com antecedência. Numa simulação do valor a pagar por uma viagem na easyJet, na nova rota para Londres (Gatwick), com partida dia 29 e regresso a 4 de Novembro, a ida custa 193 euros e o regresso 164 euros. No site da easyjet, os preços publicitados começam a partir de 15 euros, enquanto na SkyEurope, o preço de lançamento da rota, apenas num sentido, está fixado em 49 euros. A Ryanair ainda não tem disponíveis os valores para as novas ligações, bem como a Vueling. Apenas a Air Berlim descrimina o valor das taxas a cobrar.


Loading. Please wait...

Fotos popular